Sozinho, viúvo de Edith González passa aniversário mais difícil de sua vida

Edith González e Lorenzo Lazo (Imagem: Agências)

Já se passaram mais de dois meses desde a morte da atriz mexicana Edith González. A saudade continua presente na vida dos fãs e da família, como o viúvo Lorenzo Lazo, que há poucos dias completou 66 anos, o primeiro aniversário sem sua amada.

O economista vem tentando passar esse momento de maneira discreta, como fazia desde quando Edith González era viva. Ele se refugia na leitura e faz algo que costumava fazer ao lado da esposa famosa, que era viajar ao redor do mundo aproveitando os destinos mais fascinantes.

Cada viagem do casal era documentada através de fotos, como a que ele postou em suas redes sociais como uma feita numa viagem à Bolívia onde aparecem se beijando. “Lembrança de um beijo nas alturas, perto do céu”, escreveu Lorenzo Lazo fazendo uma homenagem à memória de Edith González no dia em que completou dois meses de seu falecimento.

O viúvo da atriz mexicana que ficou conhecida no Brasil com a exibição da novela “Salomé” como protagonista, viajou para a Inglaterra, onde morou algum tempo atrás. Ele aproveitou para rever velhos amigos, mas nunca deixando de lembrar de Edith González, com quem diz ter sido muito feliz a cada momento que viveu ao lado dela.

Edith González fez par romântico com ator brasileiro

A atriz mexicana Edith González, morreu aos 54 anos, na madrugada de 13 de junho na Cidade do México, vítima de um câncer no ovário, doença com a qual lutava desde 2016.

Seu nome ficou conhecido nas novelas mexicanas. No Brasil conquistou o carinho do público através da exibição de grandes sucessos da Televisa pelo SBT como “Os Ricos Também Choram” (1979), “Camaleões” (2009), “Salomé” (2001) e “Coração Selvagem” (1993).

Na novela “Salomé” ela fez par romântico com o ator brasileiro Guy Ecker que fez carreira no México e teve uma passagem pela Colômbia onde deu vida ao personagem Sebastião Valejo na novela “Café Com Aroma de Mulher”.