Últimas notícias

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão e recebe apoio de Bolsonaro


O apresentador do “The Noite” no SBT, Danilo Gentili, foi condenado a seis meses e 28 dias de prisão em regime semiaberto acusado de cometer crime de injúria contra a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS). O humorista poderá recorrer em liberdade. A sentença foi proferida pela juíza federal Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, na quarta-feira (10).

Danilo Gentili havia recebido uma notificação extrajudicial onde era solicitado que ele apagasse as postagens de suas redes sociais onde supostamente estaria ofendendo a deputada federal Maria do Rosário. Assim que recebeu a notificação, o apresentador do SBT a rasgou e esfregou nas partes íntimas como foi visto no vídeo que ele compartilhou nas redes sociais.


A deputada petista comemorou a decisão em seu perfil no Twitter, mas por outro lado, o humorista recebeu a solidariedade de alguns colegas como os humoristas Tom Cavalcante, Oscar Filho e o presidente Jair Bolsonaro (PSL). Ele disse que se solidariza com Danilo Gentili, porque está apenas exercendo seu direito de livre expressão e sua profissão, onde o próprio presidente Bolsonaro sempre é alvo de piadas. “Compreendo que são piadas e faz parte do jogo”, disse o presidente.

Ao saber do apoio de Bolsonaro, Danilo Gentili disse em seu perfil no Twitter, que se sentiu honrado porque da mesma maneira que nunca imaginou ser condenado à prisão por protestar contra a censura, nunca imaginou também que pudesse ter o apoio do presidente da República.


Nenhum comentário