Rádio Rádio ao Vivo Super Rádio Tupi Tupi

Diretoria da Super Rádio Tupi continua calada e funcionários desrespeitados

A agonia toma conta dos funcionários da Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro com o silêncio da diretoria da emissora, que até agora não sinalizou para uma solução quanto aos salários que estão atrasados há quase seis meses e dois 13º salários (2015-2016) que ainda não foram pagos.
Nos bastidores correm supostas negociações com o empresário Paulo Abreu para a formação de rede com a Super Rádio AM 1.150 Khz de São Paulo, mas que ainda estaria aguardando o pagamento do que é devido aos funcionários que se encontram em greve desde o dia 30 de dezembro do ano passado. Após o acerto, o empresário paulista assumiria a frequência 1280 da Tupi para entrar em rede com sua emissora, que contratou Paulo Barboza, cuja estreia ocorreu hoje, com a finalidade de se expandir para o Rio.

Em meio a  tudo isso surgiu um rum r de que alguns comunicadores pretendiam furar a greve e entrar no ar hoje com a contratação de outros operadores mais “baratos”, conforme disse Fernando Sérgio em uma rede social na noite de ontem. Apesar de toda a agonia, isso não aconteceu e a rádio segue tocando músicas. Enquanto isso, os funcionários sentem-se desrespeitados com o silêncio dos gestores do grupo “Diários Associados” que comandam a Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro.
Gente Famosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *